5.2.06

Amor pelas ruínas







2 comentários:

Adriana disse...

Obrigada pela visita a minha Fábrica. Você gosta de Florbela Espanca?! Hum... muito bom, eu também admiro e amo muito os versos dela!
Adorei conhecer o seu blog.

bjs

Clarice Orwell disse...

Obrigada pelo comentário!!
Acho q algumas vezes na vida nos sentimos meios deslocados no mundo, parece q tudo fica mais distante do que realmente é.Mas, estou melhorando, como diz o ditado: Não há bem q sempre dure nem mal q nunca se acabe.